dialética





artigos


E-commerce na palma da mão

28/06/14 | comentar

Participei da matéria sobre m-commerce da revista W, ed. Junho.


O Peixe Urbano viu que smartphones poderiam ser de grande ajuda para o seu meio de atuação.

Pensando nisso, a empresa mergulhou de cabeça no m-commerce, conforme conta Daniel Blumenthal, gerente de ux & mobile da companhia: “Nos posicionamos como um “Shopping de Ofertas”, que ajuda as pessoas a encontrarem produtos, serviços e atividades em suas cidades”.

Blumenthal destacou que os recursos do celular, como a geolocalização, foram levados em conta. “Sabemos que nesse ambiente é comum que os usuários decidam o que fazer de acordo com a localização dos estabelecimentos”.

Mais do que um “GPS de ofertas”, o Peixe Urbano decidiu usar o app para facilitar a experiência de compra e o gerenciamento de cupons. “E também para incentivar o uso de cupons digitais diretamente do celular”, ressalta.

O projeto de m-commerce da empresa se focou na experiência, “já que os usuários de aplicativos são exigentes com cada detalhe e esperam que além de úteis, eles sejam rápidos e muito fáceis de usar”. Blumenthal explica que o app passa por testes internos antes de ser lançado.

Quanto às expectativas para as vendas nos dispositivos móveis, o executivo é bastante enfático: “Vai continuar em crescimento. A participação de vendas em celulares mais do que duplicou nos últimos 6 meses e vemos que continua a aumentar. Acreditamos que até o fim deste ano 50% de todas as nossas vendas virá desses aparelhos”.

Ele conta que o Peixe Urbano vai continuar a apostar em funcionalidades diferentes para o seu aplicativo. “Estamos lançando um recurso que exibe ofertas por proximidade. O usuário poderá ter uma visão ampla do mapa ao redor, com a ajuda da geolocalização do aparelho.

Outra novidade será o uso da câmera do aparelho para escanear os números do cartão de crédito ao invés de ter que digitá-los na hora do pagamento. Também é possível utilizá-la para validar cupons com código de barras, o que facilita o processo para parceiros que aceitam os cupons digitais e ajuda a evitar fraudes.

As notificações do celular são usadas para lembrar de cupons a expirar, algo útil para usuários que esqueciam de usar suas ofertas: “Também enviamos as promoções do dia, na cidade do usuário, dessa mesma forma”.

Revista W, E-commerce, junho, 2014 (pdf)

comentar